Publicidade
Você está aqui: Inicial Atlético Com pênalti contestado, Galo de Roger Machado estreia com vitória na temporada

Vídeos

0:04:17
Exibições: 10338
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
0:03:19
Exibições: 9955
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
0:03:50
Exibições: 10087
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
0:03:23
Exibições: 9573
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
0:03:44
Exibições: 9981
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
0:03:15
Exibições: 10097
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
0:04:51
Exibições: 11635
Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5Rated 0 of 5
Publicidade

Com pênalti contestado, Galo de Roger Machado estreia com vitória na temporada

PDFImprimirE-mail

Esporte - Atlético

20170128190926723284a

A expectativa era grande para a primeira partida oficial do Atlético sob o comando de Roger Machado. As dificuldades encontradas pelo time também foram, até pelo fato de ser começo de temporada. O Galo venceu o América de Teófilo Otoni por 1 a 0, no Independência. O gol, marcado por Fred, saiu em um pênalti bastante contestado pelo time visitante.

Agora, o Atlético tem um grande desafio pela frente. Na quarta-feira, o Alvinegro fará o clássico com o Cruzeiro, no Mineirão, pela Copa da Primeira Liga.


No primeiro jogo sob o comando de Roger, o Atlético dominou o adversário na etapa inicial, buscou o gol a todo instante. A postura do América-TO colaborou também para este cenário. O time de Teófilo Otoni praticamente só se defendeu no Independência, até sofrer o gol no começo do segundo tempo.

Foram apenas três semanas de trabalho de Roger na pré-temporada. O treinador ainda terá de fazer muitos ajustes. O Galo teve dificuldades para transformar o domínio em gols.

Uma das novidades em campo foi Felipe Santana, zagueiro contratado para a temporada - clube anunciou também o lateral Danilo e o volante Elias. As ausências na estreia atleticana em 2017 foram o goleiro Victor, o lateral-direito Patric, os zagueiros Erazo e Rodrigão, o volante Lucas Cândido e o atacante Robinho, todos em tratamento médico, além do zagueiro Leonardo Silva, que está livre de lesão, mas ainda em recuperação da forma física.

O Atlético teve dificuldades para concluir as jogadas. As melhores oportunidades no primeiro tempo para tirar o zero do placar foram com Otero - cobrou falta no travessão - e Yago, que finalizou por cima da meta.

O gol atleticano saiu aos oito minutos do segundo tempo. O árbitro marcou pênalti em Fred na disputa pela bola na área. O lance polêmico gerou muita reclamação do América-TO. O próprio Fred cobrou e abriu o placar: 1 a 0.

Aos 16 e aos 21 minutos, Roger Machado fez alterações no Galo. Saíram Clayton e Fred para as entradas de Maicosuel e Lucas Pratto. Mas foi o América-TO que teve grande chance de marcar. Após Gabriel cortar para a entrada da área, Deyvison bateu por cima do gol, após desvio do goleiro Giovanni.

A terceira mudança no time alvinegro foi aos 31 minutos, com Hyuri no lugar de Otero. O América-TO seguiu lutando pelo empate. O Galo não conseguiu escapar da marcação e saiu de campo com o triunfo por 1 a 0.

ATLÉTICO 1 X 0 AMÉRICA-TO


ATLÉTICO
Giovanni, Marcos Rocha, Gabriel, Felipe Santana e Fábio Santos; Rafael Carioca, Yago e Cazares; Clayton (Maicosuel), Otero (Hyuri) e Fred (Lucas Pratto)
Técnico: Roger Machado

AMÉRICA-TO
Marcelo Carné; Gleissinho, Emerson, Diego Rosa e Bruno Barros; Kalu; Luizinho (Geovani), Pedrinho e Leandro Cruz; Vieira (Somália) e Deyvison (Ramon)
Técnico: Marcelo Buarque

Gols: Fred, 8min 2ºT

Motivo: 1ª rodada do Campeonato Mineiro
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte
Data: 28 de janeiro de 2017

Árbitro: Gabriel Murta Barbosa Maciel (CBF)
Assistentes: Helen Aparecida Gonçalves (ASP-Fifa) e Magno Arantes Lira (CBF)

Cartão amarelo: Emerson, Pedrinho (AME); Rafael Carioca (ATL)

Público: 12.877
Renda: R$ 211.180,00

Fonte: UAI